Trabalho remoto na Ribon

Desenvolvemos esse guia em agosto de 2019 e temos adotado, na Ribon, a possibilidade de qualquer pessoa trabalhar remotamente desde o início da empresa – seja uma vez ou outra, ou permanentemente.
Dentro do cenário brasileiro e mundial que estamos vivendo devido ao COVID-19, determinamos dentro da Ribon um período obrigatório de home-office (inicialmente de 2 semanas, período que pode ser revisado) para todo mundo.  Resolvemos também abrir nosso guia interno de trabalho remoto, afim de ajudar outras empresas que possuem a possibilidade de trabalhar com o home-office, mas que não tem tanta experiência prévia com esse tipo de trabalho ?


Por que trabalho remoto?  ?

Buscando dar liberdade para a galera da Ribon, nós determinamos que nós podemos trabalhar de qualquer lugar. Isso permite mais liberdade para a nossa equipe. Como um dos nossos valores, saber trabalhar remoto é importantíssimo.
Além disso, já temos uma parte da equipe que trabalha em outros locais e essa prática permite com que encontremos pessoas em diferentes locais do mundo para fazer parte do time também.

Quais ferramentas utilizamos como equipe?  ?

Como equipe Ribon utilizamos diversas ferramentas e plataformas voltadas para comunicação escolhidas sempre pensando em: remoto primeiro 🙂

  1. Basecamp é nossa principal ferramenta de comunicação (escrita e assíncrona);
  2.  Discord é uma ferramenta de voz construída originalmente para gamers, mas que funciona muito bem pra gente (nossa ferramenta de comunicação de voz síncrona). Todo mundo que tá on (trabalhando), deve estar no Discord, assim conseguimos acessar todo mundo facilmente sem precisar entrar numa chamada de vídeo para resolução de coisas rápidas (que podem ser faladas com 1 pessoa da equipe ou todo o time);
  3.  Google Hangouts e Whereby são geralmente nossas preferências para chamadas de vídeo, para reuniões de equipe e também nossa reunião de time todo que ocorre nas sextas;
  4. Trabalhamos com a técnica de Pomodoros adaptada como equipe (fluxo de trabalho com 50 min de concentração intensa e 10 min de descanso), e utilizamos o Cuckoo para que toda a equipe esteja simultaneamente nesses blocos de concentração/descanso. Além disso, temos uma planilha centralizadora de registro da quantidade de pomodoros trabalhados no dia que é preenchido individualmente por cada pessoa na Ribon.

Boas práticas como empresa ✨

  • Ter a maior quantidade das informações escritas e passíveis de serem achadas e consultadas;
  • Gravar treinamentos e reuniões importantes (para quem não pode estar presente no momento ver posteriormente);
  • Ter momentos de integração do time (como momentos de descanso do pomodoro em conjunto em uma vídeo call, para conversar ou jogar online simultaneamente, como por exemplo o Gartic)
  • Confiar no time <3

Pontos positivos quando trabalhamos remoto ?

  1. Permite que as interrupções sejam mais controladas;
  2. Permite maior flexibilidade para atividades do dia a dia (como alimentação ou exercício físico), imprevistos que dificultem a locomoção (sem carro ou está doente) e até liberdade caso precisem viajar;
  3. Respeita o nível de introspecção de cada um em dias diferentes;
  4. Conseguimos ser mais diretos e sucintos em reuniões remotas com toda a equipe;
  5. Permite ter uma equipe distribuída e aumenta o leque de contratação de pessoas;
  6. “Obriga” a equipe a ter processos mais consolidados, as práticas devem ser cada vez mais claras e automáticas para acelerar a tomada de decisão.

Pontos de atenção quando trabalhamos remoto ❗

  1. Comunicação pode ficar ruim e gerar desconfiança na equipe;
  2. Interações humanas podem se enfraquecer, tanto profissionalmente quanto pessoalmente.
  3. Demora para tomada de decisão, já que dependemos das pessoas em outros locais responderem;
  4. Prejudica a percepção e passagem de feedbacks, principalmente comportamentais;
  5. As pessoas que trabalham remoto pode ficar muito dependente da infra-estrutura, caso dê algum problema de Internet, por exemplo, prejudica toda a comunicação;
  6. Dependendo de onde a pessoa estiver pode ser um lugar com muitas distrações e prejudicar o foco;
  7. Interações com diferentes áreas e pessoas que você não se comunica no dia a dia podem ficar cada vez mais distantes;
  8. Dependendo do tipo de trabalho é importante trocar uma ideia pessoalmente e co criar juntos.

Trampando bem de qualquer lugar ?

  1. Transmita sua mensagem de forma objetiva e bem escrita;
  2. Use vídeo chamadas com a câmera ligada. Ver a expressão do coleguinha ajuda na transmissão da mensagem;
  3. Confira o Basecamp com frequência durante o dia. Caso alguém tenha de pingado você deve responder a pessoa rapidamente (mesmo que a resposta seja: não posso ver isso agora, te respondo no próximo pomo);
  4. Busque interagir com todos os membros da equipe com frequência afim de conhecer cada membro da equipe;
  5. Comunique quando você começar e para de trabalhar ? Fale bom dia e tchau para a equipe no Basecamp ou no Discord!
  6. Quando está remoto, faça seus feedbacks diários com capricho! Isso é: suas tarefas destrinchadas e bem escritas no Basecamp e preenchimento da planilha de pomodoros! Transparência total, é obrigação, ok? 🙂
  7. Caso você esteja enfrentando alguma dificuldade, você deve pedir ajuda, principalmente remoto!
  8. Ao fazer uma reunião remota, sempre compartilhe o link da reunião “pingando” seu amigx. Se for com a equipe toda, o link deve estar no Campfire do Basecamp da Ribon!
  9. Se você está trabalhando remoto com outras pessoas, é importante que você siga o pomodoro com todo mundo. Se você ver que o pomo ou o break devem começar, você deve setar no Cuckoo e comunicar todo mundo no Discord;
  10. Ao trabalhar remoto, uma das primeiras coisas a se fazer é abrir o Cuckoo e o Discord;
  11. Se você for trabalhar remoto, é preciso ficar ainda mais atento nos colegas. É mais difícil passar feedback, então a atenção deve ser dobrada. Caso aconteça algo, principalmente na comunicação, passe o feedback na hora. Precisamos gerar confiança.

Trampando mal de lugar nenhum ?

  1. Transmita sua mensagem de forma obscura e com palavras escritas incorretamente;
  2. Nas videos chamadas, não use sua câmera;
  3. Não confira o Basecamp com frequência. Faça isso só no início e no fim do dia;
  4. Só converse com sua equipe direta e não interage com o restante do time;
  5. Não deixe claro para a equipe o que está fazendo e quanto tempo trabalhou, isso gera desconfiança;
  6.  Utilize o remoto sem planejamento e com comunicação em cima da hora para a equipe. Ex: acordei tarde e ficarei em casa hoje. Às vezes tinha gente dependendo de você presencialmente 🙂
  7. Não passe feedback para as pessoas.

Você viu alguém que não está trabalhando bem remoto, passe feedback para a pessoa 🙂 você está ajudando ela e o time, não se esqueça disso!


Somos uma equipe pequena, de quase 20 pessoas, e esse formato tem nos ajudado muito! Sabemos que existem muitos desafios, ainda mais conforme o time aumenta de tamanho. Estamos abertos a conversas e trocas, para conseguirmos passar juntos, como sociedade, por esse período da melhor forma possível!

Vamos juntos!

Um abraço virtual,
Ribon

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *